A Importância do Open Source na Pesquisa de Mercado

18/02/2016 Equipe Buteco Open Source 2 min de leitura

Um dos pontos mais estratégicos no desenvolvimento de um produto é a sua validação frente ao mercado. Para colocar um produto novo no mercado o investimento é altíssimo. Empresas multinacionais da área de produtos de consumo diário precisam direcionar algumas dezenas de milhões de dólares para colocar um produto novo no mercado. Isso não se deve somente ao P&D, mas à toda linha de produção e de mercadologia que precisa ser desenvolvida junto ao produto, para que este possa ir chegar ao mercado.

Logística, embalagem, publicidade.. tudo isso é muito caro. Por isso, para se colocar um produto no mercado é necessário muita pesquisa de marketing. Entende-se como pesquisa de marketing nada mais do que “ouvir” a opinião do consumidor e deixa-lo participar do processo de desenvolvimento. Esse passo pode ser implantado antes de existir um conceito de produto preliminar, ou seja, o próprio mercado irá ajudar na criação do conceito do novo produto.

A pesquisa também pode ser implantada no meio do desenvolvimento do produto, onde o mercado irá entrar no jogo para validar possíveis formatos do produto e sugerir modificações que amplifiquem seu poder de venda. O grande problema é que uma pesquisa de mercado do mais relevante (quantitativa) é muito cara, o que acaba invalidando o desenvolvimento de múltiplos produtos. Por isso, muitas empresas de consumo fazem uso do Open Source como apoio no processo de desenvolvimento de seus produtos.

Empresas como Harley-Davidson já fizeram uso de plataformas eletrônicas para a geração de insights junto aos clientes. A empresa investe na força da marca e o que ela representa para seu clientes: liberdade. Por um lado enfatiza ações em grupos, com os diversos perfis desenvolvidos, mas trabalha consistentemente a motocicleta como reflexo da personalidade de cada um. O compartilhamento de histórias e fotos reforça a marca e aproxima seus usuários.

O contato constante com seus clientes, por meio dos inúmeros eventos permite a empresa ouvir o consumidor e simultaneamente incentivar quem não possui uma Harley-Davidson a participar de comunidades onde o entretenimento faz parte do dia a dia.

Do contrário, temos empresas que confundem Open Source com mão-de-obra barata e jogada de marketing pra melhorar imagem de mercado. A oportunidade está lançada para aquelas que enxergam a abertura de seus “segredos” para o mercado como algo perigoso. Logo as empresas que enxergarem o mundo como algo conectado, sairão na frente.

Artigo escrito por Professor Alexandre AC. Editor do site http://www.sistematms.com.br/