Confira algumas novidades do kernel Linux 4.3

Confira algumas novidades do kernel Linux 4.3

22/10/2015 Marcos Paulo de Souza 2 min de leitura

Como de costume, sempre tentamos mostrar aqui algumas novidades das releases do kernel Linux. Segue uma lista abaixo do que será encontrado na versão 4.3, que já se encontra no rc6 e que em breve será lançado:

DRM (Direct Rendering Manager)/Gráficos

  • Intel Skylake "Gen9" agora é suportado por padrão e não mais é necessário ativa-lo utilizando uma opção do kernel command-line
  • Suporte inicial para  AMD R9 Fury 'Fiji', mas sem gerenciamento de energia ou re-cloking (o que mantém a performance baixa até então).
  • Um grande retrabalho foi feito no Nouveau, afim de facilitar futuras melhorias no driver, além de ter algumas melhorias no re-cloking de algumas GPUs da Nvidia. Embora tenham acontecido estas melhorias, a performance até agora é a mesma.
  • Suporte a OpenGL 3.3 para o VMware. Este suporte se faz necessário quando o Linux é executado como guest VM no VMware workstation 12 e a utilização do driver VMWgfx no guest, em conjunto com o novo Mesa 11.0.
  • Melhorias mínimas em drivers de framebuffer
  • Várias mudanças para gráficos Intel e diversas melhorias em drivers DRM

Discos / Sistemas de arquivo:

  • O driver de EXT3 foi removido, já que o EXT4 pode manipular partições EXT3 de forma confiável sem nenhum problema de compatibilidade
  • Várias correções para o XFS, EXT4 e F2FS (Flash Friendly File System)
  • Melhorias no RAID 5/6 e TRIM para o Btrfs

Processadores:

  • Uma imensa mudança no escalonador que pode "potencialmente afetar qualquer workload de sistemas SMP (sistemas com mais de uma CPU) em existência".
  • Otimizações de tempo de boot para máquinas x86
  • Variedade de atualização para MIPS
  • Suporte ao ARMv8.1
  • Atualizações no gerenciamento de energia e com suporte do driver PowerClamp para o Skylake
  • Algumas atualizações do Xen

Hardware em geral:

  • Várias atualização de input (teclado, mouse e etc)
  • Melhorias no driver Wacom
  • Melhorias no sistema de áudio do Linux e suporte a som no Intel Skylake
  • Melhor suporte ao laptop Toshiba

De minha parte, realmente fiquei curioso sobre o tempo de boot e sobre o workload dos sistemas SMP! Vamos ver se é possível notar em nossos computadores essa tal mudança :)

Até a próxima!

Via Phoronix